60 AUTOCARROS RETIDOS EM ZANDAMELA, POR VIOLAÇÃO DO HORÁRIO DE CIRCULAÇÃO NOCTURNA

60 AUTOCARROS RETIDOS EM ZANDAMELA, POR VIOLAÇÃO DO HORÁRIO DE CIRCULAÇÃO NOCTURNA

Inhambane
Typography
  • TPL_TYPO_TOOL_SMALLER TPL_TYPO_TOOL_SMALL TPL_TYPO_TOOL_MEDIUM TPL_TYPO_TOOL_BIG TPL_TYPO_TOOL_BIGGER
  • TPL_TYPO_TOOL_DEFAULT TPL_TYPO_TOOL_HELVERICA TPL_TYPO_TOOL_SEGOE TPL_TYPO_TOOL_GEORGIA TPL_TYPO_TOOL_TIMES

Cerca de 60 autocarros de passageiros foram retidos nas últimas 48 horas no posto de fiscalização de Zandamela, distrito de Zavala, em Inhambane por violação de circulação no horário nocturno.


Trata-se de viaturas de passageiros forçadas a interromper a marcha por circularem além das 21 horas. As mesmas foram deixadas seguir viagem, depois das 5 horas da manhã, momento recomendado para iniciar a marcha.
O chefe das relações públicas no Comando provincial da Polícia da República de Moçambique, em Inhambane, Juma Aly Dauto, disse que a medida instituída de proibição de circulação nocturna ainda não foi levantada.
Dauto disse que automobilistas há, que ignoram a medida, preferindo viajar a altas horas da noite, o que é perigoso devido a visibilidade reduzida.
A fonte pede a colaboração dos transportadores semi-colectivos de passageiros para a observância dos horários de circulação nocturna, de modo a evitar acidentes de viação.
“Não circular para além das 21 horas, porque se mantem ainda a proibição já conhecida. Esta proibição mantem-se durante a quadra festiva”, sublinhou Juma Aly Dauto, chefe das relações públicas no Comando provincial da Polícia da República de Moçambique, em Inhambane.

 

Fonte:da Redação e Por RM
Reditado para:Noticias do Stop 2017