Sensor biométrico no ecrã de um smartphone barato? Será possível com a Leagoo

Sensor biométrico no ecrã de um smartphone barato? Será possível com a Leagoo

Mobile
Tools
Typography
  • TPL_TYPO_TOOL_SMALLER TPL_TYPO_TOOL_SMALL TPL_TYPO_TOOL_MEDIUM TPL_TYPO_TOOL_BIG TPL_TYPO_TOOL_BIGGER
  • TPL_TYPO_TOOL_DEFAULT TPL_TYPO_TOOL_HELVERICA TPL_TYPO_TOOL_SEGOE TPL_TYPO_TOOL_GEORGIA TPL_TYPO_TOOL_TIMES

O futuro dos smartphones é replicado nos mais recentes equipamentos da Vivo e da Oppo, que poderemos perceber como poderá ser o futuro dos smartphones. Mas já há outras fabricantes a lançarem smartphones com esta tecnologia, no entanto em todos

os equipamentos os valores a pagar são muito altos, mesmo em fabricantes chinesas conhecidas pelos seus preços baixos.
A própria Xiaomi já anunciou o Xiaomi Mi 8 Explorer Edition que também pratica um preço bem alto. No entanto, a chegada desta inovação/tecnologia aos smartphones mais acessíveis poderá acontecer mais rápido do que se previa, já que a Leagoo acaba de anunciar o Leagoo S10.
A fabricante não anunciou oficialmente o smartphone, apresentando-o como um concept… ainda, já que apesar de a informação ter sido divulgada pelo conhecido Roland Quandt, @rquandt, a própria Leagoo enviou-nos essa informação.
A Leagoo é uma fabricante chinesa que tem apostado forte no mercado europeu, apesar de não ter propriamente uma presença oficial no mercado, mas patrocina o Tottenham, demonstrando que o mercado internacional é o seu alvo, bem como tem marcado uma forte presença nas feiras internacionais, principalmente na MWC, em Barcelona.
Segundo as informações divulgadas, o Leagoo S10 irá ter um design similar ao Huawei P20, com ecrã “notch” de 6,21 polegadas, resolução FullHD+ e rácio 19:9. O processador poderá ser o Qualcomm Snapdragon 710/680 ou o MediaTek Helio P60/P70, sendo que haverá versões de 6GB/8GB de RAM e 64GB/128GB/256GB de armazenamento.
O smartphone deverá ter duas configurações de câmaras, uma com 20MP e 13MP e outra com 16MP e 8MP, sendo que deverá variar das versões do smartphone. Outra grande novidade é a introdução do sensor de impressões digitais no ecrã, apenas na versão de topo.
Por agora, o próprio equipamento ainda não é oficial, sendo que apenas será apresentado em setembro, possivelmente durante a IFA 2018, que decorrerá em Berlim, com preços a variarem entre os 300€ e os 500€.
A Leagoo também se quer destacar em outra área e anuncia que o smartphone será financiado através do Indiegogo, uma plataforma de crowdfunding, em setembro, assim que o smartphone for oficial.
De referir que esta informação pode sofrer alterações, já que o equipamento ainda é apenas um conceito e poderá não ser exatamente igual quando chegar ao mercado. Segundo Roland, o próprio design foi alterado recentemente para que possa ser lançado mais rapidamente no mercado, o que significa que até à data de apresentação, poderá sofrer mais algumas alterações.
Independentemente de se confirmar, estas são boas notícias, pois é bom que comece a haver pedidos desta tecnologia de mais fabricantes para que esta inovação chegue mais rapidamente aos smartphones e, desta forma, em dois anos possamos ver smartphones com preços a rondar os 300€ a terem o sensor de impressões digitais embutido no ecrã.


Fonte:da Redação e Por maistecnologia
Reditado para:Noticias do Stop 2018
Fotografias:Getty Images/Reuters/EFE/AFP/Estadão