Kyrgios joga com displicência, entrega pontos e causa polêmica na China

'Sem vontade' de jogar, Krygios foi acusado pela torcida de entrar jogo em que era favorito no Masters 1000 de Xangai

Tennis
Typography
  • TPL_TYPO_TOOL_SMALLER TPL_TYPO_TOOL_SMALL TPL_TYPO_TOOL_MEDIUM TPL_TYPO_TOOL_BIG TPL_TYPO_TOOL_BIGGER
  • TPL_TYPO_TOOL_DEFAULT TPL_TYPO_TOOL_HELVERICA TPL_TYPO_TOOL_SEGOE TPL_TYPO_TOOL_GEORGIA TPL_TYPO_TOOL_TIMES

Um dos jogadores mais imprevisíveis da ATP, número 14 do ranking mundial disse estar cansado mentalmente e, por isso, deixou adversário ganhar com facilidade por 2 sets a 0Nick Kyrgios é, sem dúvida, um dos jogadores mais polêmicos do circuito

mundial de tênis. Nesta quarta-feira (12 de outubro), o australiano, 14 do mundo, foi eliminado do Masters 1000 de Xangai pelo alemão Mischa Zverev, 110º da ATP, que venceu por 6/3 e 6/1. Porém, a forma como o atleta perdeu chamou a atenção ao redor do mundo.

Favorito no confronto, Kyrgios, de apenas 21 anos, atuou de maneira displicente. Em muitos momentos, o australiano sacou ‘sem vontade’, perdeu pontos de propósito e ainda ouviu críticas do árbitro da partida e da torcida, após perder inúmeros pontos de forma proposital.

Na coletiva de imprensa, Nick mostrou que não estava arrependido de sua postura, e ainda respondeu as críticas de um torcedor que reclamou de sua atitude pouco profissional.

“Não devo nada a ninguém. As pessoas compram ingresso porque querem. Se não quiserem me ver, que se levantem e vão embora, pois sabem que eu sou imprevisível. Se é tão bom em dar conselhos e tão bom no tênis, por que não é tão bom quanto eu? Por que não está no circuito? Isso não tira meu sono durante a noite”, disse o tenista.

Em um momento do duelo, Nick bateu boca com o árbitro. O jogador enfrentava um break point contrário e sacou de forma displicente, permitindo que Zverev quebrasse seu serviço facilmente. O fato irritou o juiz de cadeira: “Nick, você não pode jogar assim. Não é profissional”.

Em sua defesa, Kyrgios declarou que agiu dessa maneira por causa da temporada exaustiva. “Obviamente, joguei muitos jogos consecutivos, estava fisicamente e mentalmente cansado”, afirmou.

Mais tarde, Nick se manifestou em uma rede social e pediu desculpas pelas atitudes. “Não fui muito bem hoje em todos os sentidos, sou melhor do que isso. Eu poderia dar desculpas, mas elas não existem”, postou.

Na última semana, Kyrgios conquistou o ATP 500 de Tóquio, e é um dos candidatos à classificação para o Finals, torneio que reúne os oito melhores tenistas da temporada. Porém, o australiano deixou mais do que claro que este não é um objetivo. “Honestamente, não quero saber do Finals. Não me interessa nada disso”, completou.

Vale lembrar que esta não é a primeira polêmica que Kyrgios protagoniza no circuito. No ano passado, durante um jogo com o suíço Stan Wawrinka, o australiano disse para o rival que o jogador Thanasi Kokkinakis havia saído com sua namorada, a também tenista Donna Vekic, fato que irritou o suíço posteriormente. A postura foi duramente criticada.

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte:GAZETA PRESS

Reditado para:Noticias Stop 2016

Fotografias:Getty Images / Reuters /EFE